terça-feira, abril 18, 2006

Um projecto de como comunicar na web

WEBcom: APRESENTAÇÃO

O modelo de escrita praticado na web e as formas de comunicação possíveis
são sem dúvida diferentes de qualquer outro meio. A actualização é sem duvida o
conceito mais importante da comunicação na web. Há um tipo de linguagem e de
forma de construção das mensagens próprio da web. Actualmente vivemos ainda um
período de adaptação em que ainda “aprendemos” a comunicar na web.
Este blog
tem como objectivo abordar as questões relacionadas com as formas de comunicação
e as novas tecnologias e modelos que vão surgindo e permitindo uma evolução e
actualização da webcomunicação.

5 comentários:

hotel-fazenda disse...

show

biel disse...

tambem concordo showwww

José da Silva Maurício disse...

.
A Web veio provar uma coisa.

Ou nós Portugueses acabamos com a Língua Portuguesa ou ele acaba connosco.

Verdade? Mentira? O tempo o dirá.

Para agora .....


"Vamos acabar com a Língua Portuguesa para salvar Portugal"!!

Ora confirma.

“Os ESPANHÓIS evoluem. Os PORTUGUESES regridem!! E deixem de culpar os Políticos e as Políticas!”.
.
Coitados dos Portugueses e Coitados dos Brasileiros! Coitados dos Angolanos e dos Moçambicanos! (os 4 Povos mais CORRUPTOS da/o Europa/Mundo).
.
Coitados também dos Monarcas!
.
E tudo por CAUSA da Língua Portuguesa e do CLERO de tempos idos da Igreja Católica.
.
MONARQUIA: "Rei-Nú", Eu i-rei, eu se-rei, eu ganha-rei, eu- cantarei (mas nunca realizo esse futuro), "Dó-Na" Maria II, “Dó-Na” Isabel I, “Dó-na” Filipa de Lencastre, etc, etc, etc.
.
MULHERES: “Dó-Na” Dores, “Dó-Na” Sara, “Dó-Na” Ma.ria, “Dó-Na” AnÃ, “Dó-Na Viole.ta”, “Dó-Na” Ofélia, ……. O meu “Namora-Dó”. O meu “Amá-Dó”. Ele/a (filho/a) “Dor-Mia”. Tanta tanta PENA delas.
.
POLÍTICOS: "Demo-Cracia" (poder do Demónio), "Dê-Puta-Dó", "Parti-Dó" (de "Quebra-Dó", de inútil), "Poli-Tico" (Tico & Teco. Dois Esquilos). “Sida-Dão”,
.
PAÍS DE MENTIROSOS: “Politica Mente”, “Eficaz Mente”, “Eficiente Mente”, “Verdadeira Mente”, “Practica Mente”, “Teórica Mente”, “Social Mente”, etc, etc.
.
DOENTES: "Pensa-Dôr" (Gabriel o Pensa-Dôr que tinha dôr de cotovelo das Loiras), Trabalha-Dôr, Mora-Dôr, Eleva-Dôr, Desperta-Dôr, Computa-Dôr, Desenha-Dôr,....... milhares.
.
ANIVERSÁRIO: Quantos ANÚS tens?!
.
.
OUTROS EXEMPLOS EM: "As PALAVRAS ÚTEIS Portuguesas estão, PRACTICA-MENTE, todas XUNGADAS!", http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt/2505.html
.
.
“A_Deus”.
.
.
ÚLTIMA HORA 1: Já são vários os Países Estrangeiros que descobriram – MAS EM PORTUGAL AINDA NÃO!!! - que os alunos Portugueses são coitadinhos.

Mas os Canadianos ainda não descobriram que é por causa da Língua Portuguesa! AI SE ELES DESCOBREM!

Ver: "Filhos de portugueses discriminados na escola", http://jn.sapo.pt/2006/03/05/ultima/filhos_portugueses_discriminados_esc.html

“as crianças luso-canadianas são "rotuladas como portadoras de deficiências de aprendizagem" e com menor grau de aptidões que a população em geral", o que cria estigmas e provoca o abandono escolar.”
.
.
ÚLTIMA HORA: Os Europeus não caíram na “Ladainha do Coitadinho”. Estão a ajudar Portugal a ACABAR COM A LÍNGUA Portuguesa.
.
Ver: “Parlamento Europeu aprova INDICADOR DE COMPETÊNCIAS LINGUÍSTICAS que exclui língua portuguesa”, in http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1255406
.
e Ver: “Língua Portuguesa EXCLUÍDA”, http://jn.sapo.pt/2006/04/28/primeiro_plano/lingua_portuguesa_excluida.html
.
.
PS: Os ESPANHÓIS evoluem. Os PORTUGUESES regridem!!
.
DOM Juan Carlos. DOM Quixote de La Mancha. Etc, etc, etc.
.
“Dó-Na” Dores, “Dó-Na” Sara, “Dó-Na” Ma.ria. Etc, etc, etc. AXIOMA: “Um País vale o que valem as suas Mulheres”.
.
.

mauricio_102@sapo.pt

eduardo disse...

è a primeira vez que conheço este blog, ele é ótimo.

Influências disse...

Antes de mais nada: Parabéns pelo blog.
Sou finalista do curso de jornalismo e cada vez mais tenho noção das mudanças que a web trouxe. Encontro-me actualmente a pesquisar sobre a influência do Twitter no Jornalismo e na Publicidade, qual a opinião sobre o assunto? Existe necessidade de regulação? Será que os jornalistas e meios de comunicação não perdem credibilidade ao utilizarem o twitter?